Horário de Funcionamento: 10:00 - 17:30 horas

Rua dos Bombeiros Voluntários

4700-025 BRAGA

“Pedra” do Circo Máximo de Roma

Elemento arquitetónico do Circo Máximo de Roma, no Museu de Arqueologia D. Diogo de Sousa, em Braga:

Integrado no programa comemorativo das Jornadas Europeias do Património de 2019, no dia 24 de setembro, o Município de Braga procedeu ao depósito no Museu de Arqueologia D. Diogo de Sousa de um elemento arquitetónico romano proveniente do Circo Máximo de Roma, que se encontra agora exposto no Átrio de Entrada do Museu.

A chegada desta peça a Braga ocorreu no contexto da inauguração do Estádio 1º de Maio, em 1950, no seguimento de um pedido da Câmara Municipal de Braga à Câmara Municipal de Roma de uma “pedra” do Circus Maximus daquela cidade, para exposição neste equipamento desportivo bracarense, como memória da ligação de Bracara Augusta a Roma e ao Império Romano.

A Câmara Municipal de Braga, entendendo agora que aquele fragmento do nosso passado comum romano devia ter maior visibilidade, depositou-o para fruição pública no Museu de Arqueologia D. Diogo de Sousa.

Para que a deposição deste fragmento pétreo no Museu de Arqueologia D. Diogo de Sousa pudesse ter lugar foi elaborado um protocolo entre a Câmara Municipal de Braga e a Direção Regional de Cultura do Norte, que tutela o Museu.